Tudo Virado

Como lidar com uma realidade que até parece ficção e a expectativa de vivermos um “novo normal” daqui para a frente?

O novo coronavírus é uma ameaça para todo o mundo, literalmente.

Isolados em casa ou trabalhando no que precisa ser feito para tocar vidas e evitar mortes, estamos todos nos virando para enfrentar a pandemia de Covid-19.

upside down cover (pratserie blog)

Lembra quando distopia era apenas uma palavra que estava na moda – algo tão bizarro e passageiro como juntos-e-shallow-now?

Hoje a definição do termo mais parece uma profecia oculta nos dicionários online:

Distopia – lugar ou estado imaginário em que se vive em condições de extrema opressão, desespero ou privação.

Agora pense em como seu estilo de vida mudou drasticamente por conta de um ser invisível!

Mesmo estando acostumada a trabalhar em casa, com um grau de isolamento bem próximo ao que vivencio agora. Mesmo em contato com a natureza, num lugar lindo e confortável, junto de minha mãe e em paz comigo mesma… Confesso que está difícil afastar o fantasma da depressão.

Tento diminuir o impacto do noticiário e das redes sociais (já cheguei a desconectar geral por 48 horas), mas muitas vezes sinto como se estivesse vivendo em um filme de ficção daqueles que dá até medo de assistir.

Não consigo ver a evolução de curvas e números da Covid sem pensar que isso representa PESSOAS, como nós.

Então, se a sua produtividade continua em alta no trabalho e você ainda está aproveitando o confinamento involuntário para ler e aprender, praticar exercícios e buscar algum tipo de elevação espiritual, te dou meus parabéns.

Mas se estiver perdendo o sono e/ou o bom humor, se indignando com políticas e comportamentos egoístas, se sentido impotente diante do avanço da pandemia… parabéns também. No mínimo, isso significa que você é um ser humano!

Enquanto não há uma droga poderosa contra o novo coronavírus ou uma vacina para conter a sua propagação ­– e o bom senso está mais em falta do que álcool gel – o melhor antidepressivo disponível é a esperança.

Vira normal de novo?

Talvez ainda não seja um bom momento para fazer projeções. Muito menos para ficar pensando em viagens ou reagindo ao comportamento dos políticos, mas… como evitar?

David Cerny moving statue, Prague, by Fernanda Prats

Para mim, as mudanças de comportamento que estamos vivenciando já configuram um novo normal. E não acho que haverá um “retorno à normalidade” depois de enfrentarmos essa situação. Todo o mundo vai mudar, de alguma forma.

Até arrisco alguns palpites sobre o novo normal seguinte, ou seja, quando não houver mais a necessidade de isolamento social:

Novo normal no turismo

Depois de fazer meu primeiro no-show da vida, já cancelei uma temporada no México e uma viagem mais curtinha aqui pelo Brasil. Ainda falta remarcar uma viagem em grupo pela Espanha, mas é melhor estar viva e não colocar outras vidas em risco, certo? 😊

Nos grupos que participo em redes sociais, tenho visto muitas fotos de lugares inspiradores para alimentar nossas almas viajantes. E inúmeras dúvidas de quem pretende reprogramar viagens para um futuro que ainda não sabemos quando vai chegar.

Nem como…

Será que vai haver uma grande corrida aos pontos turísticos, como começa a acontecer nas muralhas da China? Será que os aeroportos vão aplicar novas medidas de segurança, com foco na saúde dos viajantes?

Muitos países europeus vão adotar um sistema eletrônico de isenção de visto a partir de 2021 – o ETIAS, que já estava em processo de implementação antes da pandemia e vai ser obrigatório para brasileiros. Ele tem características parecidas com o sistema americano, o ESTA, já em vigor.

Como ambos são sistemas que armazenam informações sobre os viajantes, imagino que vão incluir dados sobre a Covid-19. Isso pode impactar na permissão de entrada nesses países ou estigmatizar pessoas? Veremos.

E quanto ao impacto na poluição?

post_tudo_virado_@pratserie

A redução da poluição pode ser um ótimo efeito colateral das restrições à circulação, praticadas em diversos países ao mesmo tempo. No entanto, é melhor a gente continuar pegando leve no consumo de água e evitar o excesso de embalagens plásticas.

Precisamos preservar com o mesmo afinco a saúde do planeta.

Virada na política

Além de recalcular nossas rotas e resgatar o que pudermos de nossas rotinas pré-pandemia, há uma sede de mudanças políticas. E de políticos.

Tenho visto milhares de memes pró e contra as medidas tomadas no combate ao coronavírus em nosso país., sem falar nos movimentos #foraeste ou #foraaquele. Dá até para ouvir alguns panelaços aqui do meio do mato…

É difícil conter a indignação, mas talvez seja preciso poupar um pouco dessa energia para os tempos de novo normal – mais precisamente, no momento das eleições.

Então, troco o palpite por esta sugestão para você focar sua escolha em quem:

  • Respeite a ciência
  • Respeite o meio ambiente
  • Respeite a democracia
  • Respeite a imprensa
  • Respeite a diversidade social
  • Respeite a população
  • Respeite a humanidade

Pelo menos!

Prepare-se para virar tudo de novo

Faça com que o baque dessa pandemia vire algo positivo, do jeito que você puder, quando o tal do “novo normal” chegar.

Se está sentindo falta de viagem no organismo, tenha (mais) paciência. Se tem muita coisa te incomodando, pense nas coisas com que pode contar nesse momento: tecnologia, delivery, água encanada, coleta de lixo – isso sem falar em afeto e espiritualidade.

E se tiver alguma dica para compartilhar, deixe aqui nos comentários! Vou adorar…

Beijos, Prats

Fernanda Prats - Dubrovnik

DICA👍🏻: Ganhe desconto na hospedagem e ainda ajude a manter o Pratserie usando um destes links em sua próxima reserva de hospedagem!
Para escolher entre várias opções de acomodação: https://www.booking.com/s/52_6/pratse23
Para ter uma experiência local alugando um espaço para ficar: www.airbnb.com/c/fprats1

One Reply to “Tudo Virado”

Guardanapo virtual... escreva aqui seu comentário.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: